Venda durante live é tendência que chega com força ao Brasil para o Natal

 

Kim Kardashian e a influenciadora chinesa Viya:
no ano passado, live com personalidades impulsionou as vendas de 15 mil frascos
de perfumes em poucos minutos - /Foto de Reprodução *Fonte Veja

Em meio a revolução digital do comércio e a popularização das lives pelo mundo, vemos chegar ao Brasil uma nova tendência de vendas online realizadas durante as transmissões ao vivo na internet.

Essa nova modalidade de compra, que já é uma realidade em lugares como a China e alguns países da Europa, chegará ao Brasil com força, principalmente no período do Natal. Em 2020, o mercado de live commerce, deve sair da faixa dos 60 bilhões de dólares alcançados no último ano e movimentar cerca de 170 bilhões de dólares, segundo a consultoria iResearch.

Mesmo com o nome ainda incerto variando entre live commerce, live shopping, ou ainda shopstreaming, o foco é claro: vender produtos durante vídeos ao vivo de influenciadores, artistas e famosos.  É como assistir a um show de sua banda preferida e sem sair da tela poder tirar dúvidas e até adquirir virtualmente roupas, acessórios, calçados, cosméticos enfim, tudo que está aparecendo na live.

A varejista B2W, dona dos site virtual da Lojas Americanas e do Submarino, lançou o Americanas Ao Vivo, inspirado no que a plataforma de e-commerce chinesa Alibaba faz há alguns anos. Para isso, contou com a influenciadora Camila Coutinho e decidiu replicar o modelo ao Shoptime, que, assim como a Polishop, surgiu como um canal de vendas na televisão brasileira.

Outro exemplo vem da Rappi, que entrou nessa jornada por meio de uma transmissão realizada em parceria pelo e-commerce de carnes especiais Debetti com a marca de cerveja artesanal Colorado, da Ambev. Na ocasião um chef preparou receitas de hambúrgueres que harmonizam com a bebida. Em meio à transmissão, os produtos citados eram vendidos pela metade do preço de catálogo. Ações como essas serão o futuro do varejo online e as empresas mais antenadas já podem se preparar para essa realidade.